20 janeiro 2017

RESENHA: MONTANHA DA LUA - MARI SCOTTI

Há séculos, uma verdade acompanha cada herdeiro do ducado de Bousquet: A Maldição dos Hallinson’s.

Conta-se que a tragédia os acompanha, levando à morte as esposas em seu primeiro ano de matrimônio. Geração após geração, aprendem sua sina e a regra a seguir para possuir uma união frutífera e longa.

Octávio Hallinson Segundo sofre as consequências de não seguir esses ensinamentos. Viúvo, isolou-se da sociedade, fugindo da responsabilidade de casar-se novamente para providenciar um herdeiro para seu título. 

Um homem marcado pela dor.
Mical Baudelaire Nashgan sempre foi uma mulher decidida, enfrentando as ordens de sua tia e negando-se a seguir o protocolo que obrigava mulheres a procurar maridos apenas por posse de títulos e dinheiro e não por amor.
O posicionamento contraditório aos costumes afastou os candidatos, tornando-a uma das únicas solteironas que sua província conheceu. A mais bela dentre elas.
Uma tragédia a coloca frente aos perigos da floresta aos pés da Montanha da Lua e seu futuro torna-se incerto e assustador.

Páginas: 251
Editora: Amazon
Autora: Mari Scotti
Ano: 2015

Algumas semanas atrás anunciei aqui no blog a parceria com a autora Mari Scotti, e felizmente, já realizei a leitura. O livro é um romance de época, um dos gêneros que não costumo ler mas que neste ano prometi que iria conhecer um pouco mais sobre livros assim.
"Contudo, aquela ruiva petulante e descabelada havia conseguido devolver o infortúnio à minha desencorajada existência. Deixa-lá naquele estábulo fora o ato mais covarde que tomei em toda a minha vida. Assim como a decisão de morar na cabana da montanha."
Mical é uma mulher forte, que independente da idade que ela está, não aceita se casar com alguém que não ama. Seu maior sonho é ter filhos, mas sempre viu isso como algo distante de ser realizado. Ela se apaixona por Octávio Hallinson, um homem que salvou sua vida no começo do livro. Ele é daqueles caras bem difíceis de compreender, confesso que senti muito ódio dele durante a leitura.

Octávio é um Hallinson, e com toda a história de maldição (na qual ele também acredita) ele acaba fazendo muitas bobagens durante a leitura. Ele se apaixona perdidamente por Mical, desde a primeira vez que a viu percebeu que ela seria encrenca. Ele tentou muito manter distancia dela para Mical não ser vítima da maldição, mas não funcionou. Mical aceita se casar com Octávio, e no começo deste relacionamento, tudo estava perfeito. Assim, Mical fica grávida e anseia pela chegada de seu filho, enquanto Octávio apresenta cada vez mais sinais de infelicidade. Certo dia, Octávio deixa uma carta dizendo que tinha algumas coisas para resolver, mas que voltaria logo. Meses se passaram, a barriguinha de Mical crescia e ele não voltou.

Octávio abandonou Mical para "protege-la" da maldição, e todos os dias ele ficava vendo ela de longe. Ela estava com a barriga maior, com dores e recusava a visita de médicos. Ela rezava todos os dias para que seu marido não se ferisse na guerra, enquanto ele assistia toda a situação triste da esposa. Ela acabou ficando cada vez mais triste. Ia ao jardim, sentava e ficava lá com seus pensamentos enquanto os dias passavam e seu marido não retornava.

Montanha da Lua foi um dos livros mais envolventes que já li na vida. A autora tem uma enorme habilidade em provocar emoções confusas no leitor. Em algumas partes eu torcia pelo casal e em outras, eu torcia contra. Apesar de eu ter compartilhado toda a revolta que tive com Octávio, vocês precisam saber que ele é uma pessoa super atenciosa e cuidadosa, em muitas partes ele é um fofo com Mical. O que me deixou mais irritada mesmo foi ele ter abandonado a esposa grávida, mas o livro teve um final ótimo.

Indico muito a leitura para vocês, pois foi um livro que sofri, me emocionei e comemorei junto com os personagens, coisa que até então havia encontrado em poucos livros. Espero que conheçam o confuso e intrigante relacionamento entre Mical e Octávio.

16 comentários:

  1. Oi Julia,
    Que legal que você curtiu a leitura, eu estou com esse livro no Kindle, mas não ando estimulada para ler ebook, por isso não sei quando farei a leitura.
    Gostei muito da sua resenha virei aqui conferir a do livro 2 tbm
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kris. Ano passado eu também não estava muito estimulada a ler livros digitais, mas prometi que esse ano iria dar mais valor haha. Vem sim, em breve vai ter!

      Excluir
  2. Oi Julia,
    gostei muito da resenha! Fiquei curiosa pela história!
    Beijos
    Blog da Carla Vieira ❤

    ResponderExcluir
  3. Gostei da premissa e da resenha, mas não entendi bem o título
    Também não sou chegada a romance de época rs mas fiquei curiosa pra entender os motivos que levam as esposas a morrerem e tal e também pra saber qual foi o desfecho da história.

    Beijos,
    Kemmy - Duas Leitoras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Montanha da Lua é o nome da montanha onde fica o casebre do Octávio.

      Excluir
  4. Olá Julia, tudo bem?
    Parabéns pela parceria e pela resenha, estou muito ansiosa para ler esse livro Amo romance de época e estou louca para conhecer a escrita da Mari. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Tudo bem sim e você? Obrigada! A escrita da Mari é um espetáculo, você provavelmente vai gostar <3

      Excluir
  5. Olá, tudo bem?
    Eu adoro a Mari, acho ela uma querida. Montanha da Lua e Híbrida são os livros dela que mais quero ler, me chamam muito a atenção.
    Beijos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Roberta, tudo bem sim! Ela um amor de pessoa. Até então, estou apenas com os romances de época na listinha, mas muito em breve, pretendo conhecer os outros livros dela. o/ Beijos

      Excluir
  6. Olá, tudo bem?
    Que premissa mais instigante, sua resenha me prendeu do começo ao fim, e eu fiquei muito louca para saber mais sobre a história.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem sim! Ahh, fico muito feliz em saber que a resenha te prendeu do começo ao fim, pois foi muito difícil escrever ela com tanta informação pra colocar haha. Bjs!

      Excluir
  7. Hey, Julia!

    Já li várias resenhas desse livro, mas ainda não senti vontade de ler.
    De qualquer maneira, vou procurar na Amazon. Assim, se eu mudar de ideia, já estará aqui pra eu ler.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii! Sério? Ah, que pena. Quando fui pesquisar sobre esse livro, não me senti atraída pela sinopse. Porém vi o livro como uma oportunidade para começar a ler romances de época, pois até então, havia feito poucas leituras do gênero. Me surpreendi muito, só me decepcionei com a sinopse haha.

      Excluir
  8. Amei sua resenha e super entendo suas reações em relação ao Octávio!
    Espero que curta a leitura de A noiva devota <3.

    Beijão, Mari Scotti

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh Mari, fico super feliz em saber que gostou da resenha! Me revoltei muito com esse Octávio, espero que sofra menos no próximo livro. Beijos!

      Excluir